cochise

cochise

52p

133 comments posted · 3 followers · following 10

471 weeks ago @ La Factoria RPG - Eu, o RPG e o sexto mundo · 0 replies · +1 points

Eu nunca tive problema nenhum para ler. Aliás prefiro fonte clara (mas não branca) sobre fundo escuro (mas não preto), porque gera um bom contraste sem forçar a visão.
Mas esse fim de semana vou dar uma fuçada no CSS para ver se clareio um pouco a fonte ou escureço fundo.

478 weeks ago @ Óculos de Longo... - Quem Tiririca elegeu? · 0 replies · +1 points

Não vejo o voto facultativo resolvendo algum problema.
O problema é a falta de politização no voto proporcional, onde as pessoas votam sem saber direto quem são os candidatos e o que eles pensam.
Implantar o voto distrital de modo a reduzir o número de candidatos que o eleitor precisa conhecer é uma boa ideia. Separar a eleição proporcional da eleição majoritária é outra boa ideia. Por exemplo, majoritária em setembro/outubro e proporcional em novembro ou dezembro.
Feito isso se resolve três problemas.
1 - O excesso de votos necessários para alguém se eleger (Aqui em são paulo foram mais de 300.000. Pouquíssimos candidatos conseguiram mais que isso. O sistema atual valoriza uma multidão de candidatos que nunca vão poder se eleger)
2 - O valor absurdo das campanhas (campanha no estado inteiro tentando alcançar mais de 100.000 votos)
3 - A falta de identificação do eleitor com o deputado e o mimimi das "regiões sem representante"

478 weeks ago @ Óculos de Longo... - Latifúndio da covardia · 0 replies · +1 points

Acho que aí pelo menos não há esse componente de preconceito. Talvez por falta de candidatos que ericem os pelos dos preconceituosos.

480 weeks ago @ Na Prática a Te... - Jânio de Freitas, cl... · 0 replies · +1 points

Não diria ressentimento.

Acho que qualquer azẽmola boçal que deseje "o melhor para o povo" já se deu conta que o governo Lula foi o melhor do Brasil e que deve ser pelo menos continuado. Não há um motivo lógico para que uma pessoa do DEM ou do PSDB que queira "o melhor para o povo" não passe para a base aliada.
O que está em jogo é poder. A disputa não é uma disputa altruísta de idéias. É uma disputa mesquinha de poder.

O DEM está diante da sua aniquilação, porque boa parte dele está querendo se separar do PSDB e ir para a base aliada. Devem ficar mesmo só pulhas como heráclito e agripino. O PSDB, a partir do resultado dessa eleição deve passar por processo similar.

Por mais que se fale em ideologia, o governo Lula deu provas cabias e concretas de que deu certo. sua oposição é uma oposição não motivada por querer fazer de outro modo, mas por querer fazer ele, querer ele mamar nas tetas da república.
não um ressentimento classista, mas um ressentimento de estar fora do poder.

tenho pressentimentos que o PTB vai crescer muito depois das eleições.

480 weeks ago @ Óculos de Longo... - Porque não sou ateu · 0 replies · +1 points

Parabéns.
Gosto de ver gente pensando.

Diria que a ética é antes de tudo uma limitação, e o absoluto não se limita, portanto ele é ao mesmo tempo vítima e agressor, com a mesma intesidade porque ambos estão dentro dele, ambos são ele.

A minha metáfora favorita é o mar. Ele tem ondas, correntes, marés, mas é tudo água e tudo mar. Acredito que somos algo assim, fenômenos da "matéria divina", porque não é matéria e é complicado falar em divino.

Nessa visão de que fundamentalmente não estamos permeaos de Deus, mas Somos parte do corpo divino. Não estamos imersos no oceano como peixes, somos água como ondas.

Talvez haja uma consciência do oceano. Eu não acredito. Mas aceito que se existir é uma autoconsciência fundamentlmente diferente da nossa, porque não pode se basear no "eu sou", mas teria que ser algo capaz de unir todos os antagonismos internos do todo.

Nesse sentido, seria algo pouco humano, pouco pessoal, até porque o humano é algo que diz respeito a um dos planetas de uma das 1x10^22 estrelas do universo conhecido.

481 weeks ago @ Óculos de Longo... - Eldorado · 1 reply · +1 points

Sem cobranças. Só uma explicação para o nome no título apesar de não ter nenhum conto no livro.

482 weeks ago @ Na Prática a Te... - Guru Indiano do Serra ... · 0 replies · +1 points

Bem feita está a campanha da marina na internet

482 weeks ago @ Cultura e Mercado | pa... - Política cultural em ... · 0 replies · +1 points

Acho que a melhor coisa qu já invetaram em políticas públicas para cultura são os pontos de cultura do célio turino. Se a gente conseguir multiplicar e potencializar esse programa a gente resolve 99% do problema.
Porque o ponto de cultura pode ser arte de vanguarda, pode ser cultura popular, pode ser estudo acadẽmico.
Fornece recurso e não cerceia a liberdade criativa.

482 weeks ago @ Na Prática a Te... - Constituinte Exclusiva · 1 reply · +1 points

Acho leviano considerar que a má qualidade das elições é culpa exclusiva dos eleitores.
Em um cenário com financiamento público, fidelidade partidária, verticalizaão de coligações e limite máximo de arrecadação de campanha as estratégias normais iriam por água a baixo e o sistema político teria que se adaptar, fortalecendo partidos com programa e expurgandoo oportunistas que só estão lá em benefpicio próprio. Os partidos sseriam obrigado a procurar a base para conseguirem militância voluntária, senão desapareceriam.

De certo modo é o paradoxo de tostines. A população participa pouco da deocracia porque os partidos são ruins ou os partidos são ruins porque o povo participa pouco da democracia?
Acho que a primeira alternativa.

Mas esse prroblema não se resolve em si, já que o sostema obriga os partidos a serem ruins para poder eleger candidatos.

482 weeks ago @ Na Prática a Te... - Constituinte Exclusiva · 1 reply · +1 points

A questão não é o voto distrital.
É o voto distrital + fidelidade partidária + financiamento de campanha + inegibilidades + reeleições +tempo de TV + cláusula de barreira + etc.
A reforma política não se resolve em uma emenda. São várias emendas e leis necessárias.
E como já disse, não sou a favor da mini constituinte. Acho que é um assunto a ser debatido e está sendo desqualificado com os argumentos errados.

O argumento de que pode ser feito na casa secontapões ao argumento de que não foi feito até hoje e essa conversa de poder constituinte derivado e originário não toca nas questões que nos fariam decidir pur uma mini constituinte ou não.